Notícia

Projeto Personalidades do MPRJ: Arnoldo Wald compartilha histórias na AMPERJ

Inserido em 2 de outubro de 2018

O auditório da AMPERJ, no Centro do Rio de Janeiro, recebeu nessa segunda-feira (01/10), a gravação de mais uma edição do “Personalidades do MPRJ”. Promovido pelo Centro de Memória do MPRJ, o projeto entrevistou Arnoldo Wald, que em 1966 foi o mais jovem Procurador-Geral de Justiça do Rio de Janeiro.

Durante o encontro, mediado pelo Procurador de Justiça Márcio Klang, e aberto pelo Procurador-Geral da Justiça do Estado do Rio de Janeiro, Eduardo Gussem, Arnoldo Wald relembrou sua trajetória como um dos maiores civilistas brasileiros. Aos 33 anos de idade, foi convidado pelo governador Negrão de Lima para o então cargo de Procurador-Geral da Justiça do Estado da Guanabara. À época era advogado, Procurador do Estado concursado, jurista e professor da Faculdade Nacional de Direito e da Universidade do Estado da Guanabara.

“Jovem e moderno”, seu programa de gestão apresentava como principais medidas: a realização de concurso para provimento de cargos, a elaboração de um novo Código do Ministério Público, e estabelecer condições materiais pela maior autonomia institucional especialmente no tocante às instalações. Assim foi adquirida a primeira sede da Procuradoria-Geral de Justiça, com dois andares na Av. Nilo Peçanha nº 12, Centro. Desde a institucionalização em 1891, o Ministério Público não tinha “casa própria”.

Essas e outras histórias fizeram parte da entrevista que foi filmada e, em breve, estará disponível na Intranet da AMPERJ.

Confira abaixo a galeria de fotos.

Compartilhar:

Compartilhar no Facebook Compartilhar no Google+ Email para alguém Print this page